Como escapar de golpes na hora de comprar o seu veículo?

//Como escapar de golpes na hora de comprar o seu veículo?

A compra de um carro é a realização de um sonho para as pessoas que estão prestes a ter o seu primeiro veículo, e se as condições da venda forem vantajosas, financeiramente falando, a compra se torna ainda melhor. Contudo, muita empolgação na hora de comprar o carro pode transformar o sonho em um terrível pesadelo.

Isso porque muitas pessoas com um caráter péssimo podem se aproveitar da situação, se tornando golpistas. Golpes envolvendo a compra e a venda de veículos, incluindo motos e caminhões, não são novidade. Muitas pessoas contam histórias falsas na hora de vender os automóveis, se aproveitando da boa vontade e inocência dos compradores.

Continue lendo este post para saber mais sobre esses golpes e como evitá-los!

Como escapar de golpes na hora de comprar o seu veículo?

Como escapar de golpes na hora de comprar o seu veículo?

Existem tantos golpes aplicados nos dias de hoje, que eles foram se tornando padronizados e divididos em tipos de golpes. Por isso, vamos citar um dos golpes mais comuns realizados na hora da venda de veículos.

Gasparzinho (Veículo Fantasma)

O golpe do carro fantasma é muito simples: o golpista anuncia o veículo com o preço muito mais baixo que o normal do mercado, em condições muito atrativas, em vários meios de comunicação – internet, rádio, TV, etc. Entre as condições vantajosas, estão prestações a perder de vista, taxa de juros baixa ou de zero por cento, e entrada de 10 a 20% do valor anunciado.

Quando a pessoa interessada entra em contato, informam que o veículo se encontra em um Estado diferente do qual a venda está sendo feita, mas que pode ser entregue para qualquer estado, sem custos adicionais. Além disso, fornecem fotos e vídeos do veículo, e até mesmo convidam o cliente a vê-lo.

Depois, nos contatos seguintes, independente de o interessado optar ou não por ver o veículo de perto, os estelionatários informam que receberam uma oferta de outra pessoa e que estão prestes a fechar a venda, podendo apenas segurar o negócio a partir de um depósito ou transferência – geralmente no valor da entrada. Desesperado para não perder o negócio, o comprador realiza o depósito o mais rápido que pode.

Porém, já está feito, e após isso o depositante nunca mais conseguirá fazer contato com o “vendedor”, ou terá notícias dele, do dinheiro e muito menos do veículo. Portanto, fique atento aos sinais para não cair em golpes como este!

By | 2019-02-14T10:38:03+00:00 |Blog de Baterias em Sorocaba|